segunda-feira, 30 de novembro de 2015

Cantata de Natal: Natal no Egito

Assisti há alguns anos à apresentação dessa Cantata.Foi apresentada pelos alunos de uma escola cristã, a escola adventista de Taguatinga, DF, sob a regência dos maestros Winston e Tiago Eugênio, que eram os professores de música da escola. A história imagina o primeiro aniversário de Jesus no Egito - lembrem-se de que a família de Jesus precisou fugir para o Egito, para escapar à matança dos inocentes promovida pelo rei Herodes.
Herodes mandaria matar todos os meninos abaixo de dois anos, pensando com isso matar também a Jesus.
No Egito, ninguém sabia da história de Jesus, da promessa que fora feita na época dos patriarcas de que viria um Rei Libertador. José conta a alguns convidados, entre eles muitas crianças, sobre o nascimento de Jesus. A história imagina o que aconteceria se o faraó soubesse da existência de Jesus, como Rei prometido: por certo mandaria também matá-lO.
Quando Jesus volta para a Judeia, sob a orientação de um anjo que apareceu novamente em sonhos para José, o Egito já O conhece e passa a comemorar o Natal, contemplando uma manjedoura.

O aniversário de Jesus hoje em dia,  comemorado em 25 de dezembro, em alguns aspectos,  lembra aquele aniversário no Egito. Poucos conhecem o Aniversariante. Poucos o esperam como seu Rei. Poucos comparecem em Sua casa no dia do aniversário. Mas vamos estar entre estes. Visitemos Jesus no Natal, deixemos  que a lembrança da manjedoura esteja  sempre presente. Abramos nossas vidas para a presença de Jesus. Mostremos ao mundo que Cristo é nosso  Menino Rei.
Aqui um trecho da cantata, com outro grupo musical.





2 comentários:

  1. Olá Celina
    Linda reflexão. Jesus é maravilhoso, Ele enche nossa vida de paz. Bjs querida.

    ResponderExcluir