segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Música de Natal

O Natal se aproxima e vou postar aqui hoje uma bela música de Natal - Ó vinde adoremos.
Veja a partitura:

















Observe como ela pode ser tocada.
Inicia com o dedo 4 da mão direita na nota Fá.

Em seguida, no compasso 3, colocamos o dedo 2 da mão direita na nota Lá.

Deslocamos depois a mão para a esquerda, colocando o dedo 5 da mão direita na nota Sol.


A nota Lá é tocada, deslocando apenas o dedo 5 um pouco para a direita. Em seguida, o dedo 5 é colocado na nota dó (agudo), deslocando-se um pouco a mão para a direita.


No compasso 13, o dedo 2 passa sobre o polegar, para possibilitar tocar as notas Ré e Dó.

No compasso 16, colocamos o dedo 3 na nota Lá.
No compasso 19, o dedo 2 passa sobre o polegar apenas para tocar a nota Mi, retornando em seguida para tocar o resto da música.


O acompanhamento na mão esquerda é em notas simples, bastando colocar o dedo 5 na nota Fá  e acompanhar a leitura das notas em clave de Fá: Fá, Dó, Fá, Fá, Lá, Dó, Dó, Sol, Sol, Dó, Sol, Fá, Sol, Fá, 
Dó, Lá, Lá, Fá, Fá, Sol, Dó, Fá, Sol, Fá. A mão esquerda permanece toda a música na mesma posição (dedo 5 na nota Fá e dedo 1 na nota Dó central).
As notas na mão esquerda duram 4 tempos ou o compasso inteiro, quando são semibreves, ou 2 tempos, quando são mínimas.
A música está no tom de Fá Maior e a nota Si é bemol.

segunda-feira, 13 de outubro de 2014

O Cravo Brigou com a Rosa em outro compasso

Quando estudamos a música O cravo brigou com a rosa, ela foi escrita no compasso 3/4, isto é, um compasso ternário em que cada tempo é representado por uma semínima. Vamos apresentar agora O cravo brigou com a rosa em outro compasso.
As figuras que representam a duração das notas musicais têm valores relativos e esses valores dependem do compasso em que se encontram.
No compasso original da música, a semínima vale um tempo, a colcheia vale 1/2 tempo, a mínima vale dois tempos, a mínima pontuada vale três tempos.
Vejam a partitura.














Agora vou apresentar uma nova partitura da mesma música, porém escrita no compasso 3/8, que é um
compasso ternário em que a colcheia vale um tempo.














Nesta nova partitura, a colcheia vale um tempo, como dissemos, a semicolcheia vale meio tempo e a semínima pontuada vale três tempos.

Assim, podem perceber que as figuras de valor das notas musicais têm duração diferente, dependendo do compasso em que se encontram.
Experimentem agora escrever no compasso 3/ 2 a mesma música. A mínima valerá um tempo, a semínima meio tempo e a semibreve pontuada valerá três tempos. Aceitem o desafio e escrevam a música O Cravo Brigou com a Rosa num caderno para música no compasso proposto - 3/2. Apresentarei a resposta na próxima postagem.


segunda-feira, 1 de setembro de 2014

O cravo brigou com a rosa

No início deste mês da primavera, no hemisfério sul, vou ensinar hoje a tocar a canção  infantil "O cravo brigou com a rosa". Estou apresentando a melodia e alguns acordes no acompanhamento.
Aqui está a partitura.
Observem que a melodia inicia com um anacrouse. Isto é, no primeiro compasso, há apenas o último tempo.
Vamos iniciar usando o dedo 2 da mão direita na nota Sol. (Para você, que está lendo agora o site, veja a localização das notas musicais no teclado e piano na página indicada acima.) O dedo 1 da mão direita tocará o Mi e depois o Fá, no compasso seguinte.




No quarto compasso (não contando o compasso do anacrouse), há duas notas Sol. A primeira será tocada com o dedo 2 e a segunda com o dedo 1 (veja a foto),
seguindo-se o Dó agudo com o dedo 4. No sétimo compasso, o Fá será tocado com o dedo 3, que passa sobre os demais e o Ré com o dedo 2, conforme as fotos abaixo
.



Os acordes serão tocados conforme indicado nas fotos, com a mão esquerda:
                                                                           Acorde de Dó (C)

                                                            Acorde de Sol com 7ª (G7)

                                                                      Acorde de Fá (F)
Caso você deseje começar a estudar agora, veja primeiro os artigos sobre notas musicais e as primeiras músicas apresentadas, como "Deus é tão bom" e "Marcha soldado".

O compositor brasileiro Villa Lobos inspirou-se nesta música para compor uma de suas Cirandas. Assista ao vídeo.
Bons estudos!





quarta-feira, 6 de agosto de 2014

A canoa virou com melodia e acordes

Neste post vou ensiná-los a tocar a música A canoa virou com melodia e acordes. Já mostrei esta música apenas com melodia e algumas notas no acompanhamento.
Vejam a nova partitura.

Estou usando os acordes de Dó (Dó-Mi-Sol), de Fá (Fá-Lá-Dó) com o baixo Dó e de Sol com sétima (Sol-Si-Ré-Fá) com o baixo Si . Neste último acorde, vejam que a nota Ré aparece apenas na melodia.

Vejam como se toca a melodia.
Na execução ao piano ou teclado, a mão direita inicia tocando com o terceiro dedo na nota Sol. No terceiro compasso (não contando o anacrouse), o quinto dedo da mão direita deve estender-se para tocar o Dó agudo e, no quinto compasso, isso ocorre novamente para tocar o Ré agudo. A partir daí, usamos o quinto dedo no Ré e o primeiro dedo da mão direita no Sol.





Veja agora os acordes:

Acorde de Dó (C)


Acorde de Fá (F) com baixo Dó



Acorde de Sol com sétima (G7) com  baixo Si





terça-feira, 10 de junho de 2014

A música da Copa

Está em todos os canais e frequências de rádio, em muitos sites. É a música "Somos um só", nova versão de "Coração Verde-Amarelo", de Tavito e Aldir Blanc. É a música eleita para representar a Copa 2014.
Estou apresentando aqui a melodia, escrita de forma simples, com alguns acordes de acompanhamento. 
Toque a música da Copa no seu teclado ou piano.























Comece com o dedo 5 da mão direita na tecla Sol.




No compasso 8, estenda o dedo 5 para tocar a tecla Lá, tocando em seguida o Fá com o dedo 3 e o Ré com o dedo 1 da mão direita.


No compasso 11, passe o dedo 1 por baixo da mão, para tocar o Sol  e em seguido toque o Lá e o Si com os dedos 2 e 3, e, em seguida, o Mi com o dedo 1.


Para concluir a música, coloque o dedo 5 no Lá e prossiga, como está na partitura. Depois mostro os acordes.




segunda-feira, 24 de março de 2014

Ode à alegria



Estou compartilhando hoje a música Ode à alegria, da Nona Sinfonia de Beethoven. Apresento a melodia acompanhada por acordes, de forma que você possa tocá-la no teclado ou no piano.






















A música é apresentada de forma a ser tocada com a mão direita entre as notas Dó e Sol na região central do piano.No compasso 12, é necessário abrir o polegar para tocar a nota Sol mais grave (Sol 2).
Veja as fotos:



Os acordes apresentados no acompanhamento são os seguintes:
Dó Maior (compassos 1, 3, 4, 5, e 7 a 16).



Fá, com baixo Dó (compassos 1, 5 e 13).



Sol, com sétima e baixo Si (compassos 2, 6 e 14).


Sol, com baixo Ré (compassos 10 e 11).



Sol, com baixo Si
Neste caso, a nota Sol é tocada pelo polegar da mão direita(Compasso 12).



Esta música pode ser facilmente aprendida. Bom estudo!

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Dobrado sustenido e dobrado bemol

Quando estudamos acidentes na música, vimos o sustenido, o bemol, o dobrado sustenido e o dobrado bemol. São todos acidentes que alteram as notas musicais.
Geralmente não lembramos qual a utilização do dobrado sustenido e do dobrado bemol.
O sustenido e o bemol alteram a nota em meio tom, o sustenido elevando a nota e o bemol abaixando a nota.
O dobrado sustenido e o dobrado bemol alteram a nota musical elevando-a em um tom ou abaixando-a em um tom, respectivamente.
Se tomarmos o Lá b, por exemplo, para produzir um intervalo de 2a. menor ascendente, teremos um Si dobrado bemol (B bb). Por quê?  Olhando no teclado, você pode achar que poderíamos escrever também Lá natural. Mas seria um erro de escrita: a 2a. ascendente do Lá é sempre o Si.
Se tomarmos o Lá  sustenido, para produzir uma 4a. aumentada ascendente, teremos um Ré dobrado sustenido (D x ). A 4a. justa será o Ré sustenido e a aumentada, o Ré dobrado sustenido. 

Responda agora:
Qual a 2a. m ascendente de Mi b ?
Qual a 2a. menor ascendente de Ré b?
Qual a 4a. aumentada ascendente de Sib?
Qual a 4a. aumentada ascendente de Dó sustenido?

Amanhã disponibilizo a resposta.

Veja aqui a resposta e confira no teclado.
A 2a. m ascendente de Mi b é Fá b. 
A 2a. menor ascendente de Ré b é Mi bb.
A 4a. aumentada ascendente de Sib é Mi (natural).
A 4a. aumentada ascendente de Dó sustenido é Fá x (Fá dobrado sustenido).